Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2015

Galera de Cristo 05 - Deus Abomina a Idolatria

Imagem
"Não terá outros deuses diante de mim" - Deuteronômio 5.7
Hora da Verdade: Salmo 115.1-8,17,18


PAPO SÉRIO

IDOLATRIA - O QUE A BÍBLIA DIZ



 “Não temais; vós tendes cometido todo este mal; porém não vos desvieis de seguir ao SENHOR, mas servi ao SENHOR com todo o vosso coração. E não vos desvieis; pois seguiríeis as vaidades, que nada aproveitam e tampouco vos livrarão, porque vaidades são.”  1Sm 12.20,21

A idolatria é um pecado que o povo de Deus, através da sua história no AT, cometia repetidamente. O primeiro caso registrado ocorreu na família de Jacó (Israel). Pouco antes de chegar a Betel, Jacó ordenou a remoção de imagens de deuses estranhos (Gn 35.1-4). O primeiro caso registrado na Bíblia em que Israel, de modo global, envolveu-se com idolatria foi na adoração do bezerro de ouro, enquanto Moisés estava no monte Sinai (Êx 32.1-6). Durante o período dos juízes, o povo de Deus freqüentemente se voltava para os ídolos. Embora não haja evidência de idolatria nos tempos de Saul ou…

Lição 05 - Justificados por Cristo

Imagem
Texto Áureo: Lança o teu cuidado sobre o Senhor, e ele te susterá; não permitirá que o justo seja abalado - Salmo 55.22
Texto Bíblico Básico: Romanos 5.1,2, 6-11; Salmo 92.12-15







QUEM PODE SER CONSIDERADO JUSTO?
A justificação pela “Fé” esta ligada à importantíssima questão de saber “como o homem pode ser justo para com Deus?” Por três vezes tal pergunta é feita no livro de Jó(4.17;9.2;25.4;cp.15.14). E a primeira vez que encontramos a resposta de como o homem pode alcançar sua justificação pela “fé” ou a primeira dica para o homem de como resolver esse problema encontra-se em (Gn 15:6)– E creu ele no Senhor, e imputou-lhe isto por justiça. Pois então se fala da “justiça” e da “crença”. A palavra de Deus veio a Abraão, porque foi grande a confiança deste, sendo a justiça a consequência. Essa passagem é, em alguns casos, a chave para diversas referências encontrada em outros lugares da Bíblia com respeito à justiça e à Fé. A mesma ideia da justificação pela confiança em Deus se apresenta e…

Galera de Cristo 04 - Segurança e Refúgio em Deus

Imagem
"Deus é o nosso refúgio e fortaleza, auxílio sempre presente na adversidade" - Salmo 46.1
Hora da Verdade: Salmo 91.1-4,7,9-11
PAPO SÉRIO EM QUEM CONFIAR? Existem momentos na vida do cristão em que ele passa por apatia e frieza espiritual, o que não pode se considerar algo de natureza normal. Em todo tempo estamos lutando contra forças espirituais e o nosso inimigo lança seus dardos inflamados para nos esfriar, para nos desanimar na fé  e no nosso relacionamento com o Senhor Deus. O nosso inimigo procura nos momentos de adversidades que enfrentamos, fazer-nos crer que Deus nos abandonou e que estamos sós diante dos perigos e males da vida. Porém, a  realidade e a verdade bíblica nos mostra que a vontade de Deus é estar sempre perto do seu povo, principalmente nos momentos de aflição e lhe proporcionar ajuda, salvação, socorro e consolo. O Salmo 46 evidencia justamente isto: A provisão divina no momento da aflição e sua presença real em tempos de instabilidade e insegurança.Confi…

Lição 04 - A Genuína Felicidade

Imagem
Texto Áureo: "Falou-lhes pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a Luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida"  João 8.12
Texto Bíblico Básico: Mateus 6.22,23; Hebreus 3.10-15; Hebreus 12.1,2


PASSOS PARA O ACÚMULO DE PROBLEMAS
Assumir a vida do outro. Conheço um casal que aceitou ser fiador de um parente próximo que precisava alugar um apartamento. Apesar da resistência inicial do esposo, a esposa insistiu e ambos fecharam negócio. Terminaram por assumir um problema que não era deles. O parente não teve como arcar com o aluguel do apartamento, e o casal teve que assumir a dívida e se desdobrar para não perder o único bem que tinham - um imóvel que demoraram anos para conquistar. Com muito custo se livraram de uma situação que durante muito tempo lhes tirou o sono e a paz.
Problemas e crises são inerentes ao ser humano enquanto este viver aqui na terra. Mesmo o mais fiel servo do Senhor passará por aflições em determinados momentos de sua vida. Entreta…

Galera de Cristo 03 - Do Cativeiro à Liberdade

Imagem
"O choro pode durar uma noite, mas de manhã irrompe a alegria"   Salmo 30.5b
Hora da Verdade: Salmo 126.1-3; 137.1-6
PAPO SÉRIO


PERÍODO DOS JUÍZES

Por não haver um rei que os governasse, o povo de Israel vivia como queria, cada um fazendo aquilo que achava certo. Na realidade, Deus era seu governante, mas eles não se preocupavam em obedecer-lhe. Por isso Deus permitia que os povos inimigos os atacassem e os dominassem. Não suportando o sofrimento, o povo arrependia-se dos seus pecados e pedia ajuda a Deus. Deus, então, levantava alguém forte e corajoso para os libertar. Essa pessoa se tornava juiz de Israel. É daí que vem  o nome Juízes. A história de Juízes desenrola-se em ciclos: o povo peca, é castigado, arrepende-se, clama a Deus, e Deus envia um libertador. Isto se repetiu sete vezes no tempo dos juízes, que foram quinze ao todo: Otniel, Eúde, Sangar, Débora, Baraque, Gideão, Tola, Jair, Jefté, Ibsã, Elom, Abdom, Sansão, Eli e Samuel.


PERÍODO DA MONARQUIA

Quando os israelitas …